Home » Curso » Como Fazer Placa de Circuito Impresso

Como Fazer Placa de Circuito Impresso

Não é só os aparelhos eletrônicos comerciais que podem ter placas de circuito impresso, as placas de circuito impresso podem ser construídas em casa por qualquer pessoa, desde  que tenha algumas ferramentas básicas e poucos produtos, creio que o mais comum é o percloreto de ferro, no qual vamos falar adiante. A placa de circuito impresso também chamada de PCI ou PCB (do inglês) é a mais conhecida forma de montagem eletrônica definitiva, praticamente todos os equipamentos eletrônicos são montados em placas de circuito impresso.

Ela é uma placa feita de um material isolante como o fenolite ou fibra de vidro com trilhas de cobre e furos para fixar os componentes. As placas de circuito impresso podem ter as trilhas de cobre de um só lado, frente e verso (dupla face) ou multi-camadas (sanduíche). As trilhas de cobre condutoras em diferentes camadas são conectadas com furos metalizados. Aqui vamos mostrar em um pequeno tutorial passo-a-passo como fazer uma placa de circuito impresso usando o método de transferência por toner, também chamado de método de transferência térmica.

PC I-  Placa de circuito impresso
PC I – Placa de circuito impresso Foto: ece.illinois.edu

Material e ferramentas para fazer a Placa de circuito impresso

Um computador ou Notebook par rodar o programa  de desenho de circuito impresso;
Uma impressora laser para imprimir o desenho do circuito impresso;
Papel para a impressão do desenho do circuito impresso (abordaremos mais diante), o mais usado são os fotográficos;
Um  ferro de passar roupas seco;
Um placa de Circuito impresso virgem;
Recipiente de plastico ou vidro para  corrosão;
Colher, pinça, palito de plástico;
Thinner;
Álcool;
Palha de aço fina;
Estilete;
Lixa fina;
Percloreto de ferro;
Caneta para PCI, Caneta para retroprojetor ou Caneta para CD/DVD;
Mini-Furadeira, furador de PCI ou mini-retifica

Passo-a-passo de como fazer uma placa de circuito impresso

Tutorial de como fazer uma placa de circuito impresso pelo método de transferência por toner.

1- Devemos ter o circuito eletrônico que queremos  construir na mão;

2- Em seu programa de confecção de layout de placas de circuito impresso desenhe o circuito;

3- Imprima o desenho da placa em uma impressora Laser ( já fiz em xerox, mas os resultados não foram bons). A impressora deve ser regulada para a impressão o mais escura possível. O papel também é importante, filme de poliéster, papel glossy, papel fotográfico e papel vegetal são boas opções. Existe também um papel especial para fazer circuito impresso (importado), veja foto abaixo;

Papel para fazer placa de circuito impresso
Papel para fazer placa de circuito impresso

4- Depois de impresso verifique se existem falhas nas trilhas e  recorte no tamanho da placa que você vai usar;

5- Agora devemos cortar a  placa de circuito impresso virgem do tamanho desejado e com uma  lixa deixe as bordas lisas.

Placa de circuito impresso virgem
Placa de circuito impresso virgem

6 – Lave e limpe bem a placa com água corrente, detergente neutro e palha de aço fina,  depois seque com papel higiênico ou  papel-toalha sem encostar os dedos na parte cobreada, se tocar lave de novo;

Ferro de passar roupas seco, ideal para PCI
Ferro de passar roupas seco, ideal para PCI

7- Usando um ferro de passar roupa comum (Ferro Seco) pré-aquecida  a placa virgem durante alguns segundos e depois coloque o papel com o desenho sobre a placa cuidadosamente;

8- Para que o papel ou a placa não escapem você pode fixar os dois com fitas crepe ou fita isolante em uma superfície tipo uma mesa ou uma madeira plana;

9 – Passe o ferro sobre o papel durante cerca de dois minutos para que o toner fixe sobre o lado cobreado da placa;

10- Verifique com cuidado se o processo está transcorrendo e se o toner já está grudado no cobre;

11- Com a placa ainda com o papel colado, mergulhe em uma vasilha com água e deixe lá por alguns minutos. Você pode usar álcool para facilitar a retirada do papel, sempre com a placa quente;

12- Agora inicie cuidadosamente a retirada do papel;

13 – Corrija qualquer problema que tenha acontecido durante a transferência do toner se for necessário. Use uma caneta para PCI, caneta para retroprojetor ou mesmo essas canetas para escrever em CD e DVD, use para refazer detalhes ou cobrir falhas. Lembre de limpar o local do buraco da ilha, é bem mais fácil  furar a placa usando esse local como guia para a furadeira.

14 – Prepare o liquido corrosivo, o mais usado é o percloreto de ferro. Você pode usar a solução liquida, que já vem pronta para o uso ou a sólida, em pó (sal anidro). O percloreto de ferro não é um produto inflamável ou combustível, mas é altamente corrosivo, sendo necessário uso de equipamentos de proteção  quando manuseado.

Como usar o Percloreto de ferro em pó

Quando for fazer a mistura do percloreto de ferro em pó sempre coloque o percloreto na água e nunca a água no percloreto. Essa mistura gera muito calor e é a parte mais perigosa do processo. Dissolva o percloreto de ferro em água comum na proporção de 500 grs de percloreto de ferro para 1 litro de água.

Percloreto de ferro
Percloreto de ferro

Então prepare um recipiente  de plástico ou vidro com um litro de água e aos poucos vá dissolvendo 500 grs de percloreto de ferro. Não use instrumentos para mexer ou recipientes de metal, use sempre vidro ou plástico.

15 – Coloque o percloreto de ferro  no recipiente para corrosão de forma a cobrir completamente a placa. A placa deve estar ligeiramente inclinada com o lado cobreado para cima. O tempo de corrosão pode levar de 5 a 30 minutos dependendo do tamanho da placa de circuito impresso, da temperatura  ambiente,  numero de reusos do percloreto, etc.

Uma técnica para abreviar o tempo de corrosão da placa é agitar constantemente o recipiente e por consequência o percloreto sobre a placa. Ou mexer a placa de circuito impresso usando uma pinça ou palito de plástico.

16 –  Após observar que sua placa está totalmente corroída, sem vestígios de cobre, retire-a com cuidado do recipiente  e lave-a em água corrente por alguns segundos.

17 – O percloreto de ferro pode ser reusado por várias vezes, guarde-o em uma garrafa PET .

18- O próximo passo é limpar a placa, removendo o toner, use thinner e um pano, para completar a limpeza use palha de aço.

19 – Agora vamos furar a placa, podemos usar um furador de PCI, uma mini-furadeira ou uma mini-retífica.

Pronto, sua placa de circuito impresso está pronta, este método é o mais usado, por ser o intermediário entre o manual que usa caneta para PCI e o fotográfico.

Dicas de Como Fazer Placa de Circuito Impresso

Espero que tenha gostado das dicas e tutorial de como fazer placa de circuito impresso de maneira simples, barata e com qualidade profissional.

A solução de percloreto de ferro pode ser utilizado para varias corrosões, até que se observe que o tempo de corrosão é longo demais ou o liquido esteja muito denso.

A regulagem ideal do ferro de passar roupas deve ser próxima à temperatura máxima. Mas para cada tipo de papel pode ter uma variação, só testes vão demostrar a temperatura e tempo ideal para a transferência.

Vídeos de Como fazer Impresso Por Transferência térmica

Nova Eletrônica - Circuitos e projetos Eletrônicos grátis
Nota Importante: Para perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões utilize a página de contato .
[ Clique Aqui! ]