Home » Ferramentas » Ponta de Medição de Alta Tensão

Ponta de Medição de Alta Tensão

Ponta de Alta Tensão

Uma ferramenta muito simples, porém que nem todo técnico ou entusiasta de eletrônica tem, ela é a ponta para medir altas tensões. Eu mesmo considero alta tensão acima de 50 Volts, pessoalmente detesto choques. Mas quem atua na reparação de equipamentos eletrônicos, por vezes, enfrentam a necessidade de verificar ou medir tensões elevadas, onde um multímetro comum não consegue medir. Atualmente a maioria dos multímetros comercializados, podem medir tensões de até 1000 Volts. Mas para  medir valores maiores, o técnico vai precisar de uma ferramenta especial, chamada de Ponta de Alta Tensão ou ponta de AT. Essa ponta é conectada ao multímetro e serve para converter a alta tensão em uma tensão legível para o multímetro.

 

 Ponta de Alta Tensão

 

As altas tensões estão em nosso dia-a-dia, por exemplo, o forno de microondas trabalha com alta tenção em seu magnetron. Os monitores e TVS antigas tem  CRT (Cathode Ray Tube ou tubos de imagem ), onde é necessário medir a tensão da “chupeta” entrada de AT, as cerca elétrica, drives de lâmpadas,  etc.

 

forno de microondas

 

Aqui vamos mostrar como é fácil construir uma  ponta de prova de alta tensão, ponta de HV ou AT, idêntica as pontas de prova resistivas que existem no mercado. Basicamente uma ponta de alta tensão é simplesmente um circuito divisor, no nosso caso,  resistivo,  que reduz uma determinada percentagem de uma  tensão medida, assim essa tensão pode ser medida pelo voltímetro ou um multímetro comum.

 

Esse esquema é de uma ponta com uma relação de 100/1, ou em outras palavras, é um ponto de X100, que  multiplica a escala do instrumento por 100. É claro que essa ponta não é profissional, mas supre as necessidades técnicas. Para uma leitura mais precisa é aconselhável um multímetro com 10M ohm resistência interna ou um multímetro digital comum. No caso de um multímetro analógico, ele deve ter  de 20M ohm / V, mas apenas usar na escala de 500 VDC. Obviamente, a precisão também depende da qualidade ou tolerância dos resistores usados no circuito. Recomendá-se que os resistores não tenham uma tolerância  superior a 5%.

 

Esquema da Ponta de Alta Tensão

Ponta de Medição de Alta Tensão

Lista de Componentes da Ponta de Alta Tensão

R1 a R9 resistores 22 Mohm 1 a 2W
R10 e R11 resistores 10 Mohm 1W
R12 resistor 1.2 Mohm resistor 1W *
R13 resistor 1,6 Mohm resistor 1W *

 

* R12 e R13 podem ser substituídos por 1 M ohm e 1,8, respectivamente, é importante que  juntos deem uma leitura 2.8 M ohm.

Construção da Ponta de Alta Tensão

É aconselhável usar resistores  cuja o composto está no interior (core), como mostrado na figura A.
Esses resistores são um pouco mais “resistentes” à alta tensão que os tradicionais de filme de carbono.
Os terminais dos resistores devem ser curtos e soldados de forma lisa, livres de “picos” ou pontas, o que aumentaria o risco de formação de arcos ao trabalhar com tensões elevadas, figura B. Uma vez construído a barra de resistências é recomendado testar com tensões mais baixas, de 100 a 1000 Volts. Se funcionar bem, então você pode prosseguir selando e isolando os componentes.

Primeiro você deve colocar os resistores em um espaguete termo-retráctil, fita isolante, fita de auto-fusão  ou cobrir tudo com silicone. Depois os resistores devem ser colocados dentro de um tubo de plástico ou PVC e preencher bem com selante de silicone ou resina. Para dar uma melhor apresentação e aumentar a segurança no manuseio, você pode colocar uma manopla de borracha usada em motos ou bicicletas para aumentar a segurança. Veja na figura C . Para reduzir o risco de arcos e faíscas quando medir as tensões muito elevadas, é recomendado que a parte exposta da ponta seja tão pequena quanto possível.

 

Cuidados e dicas ao utilizar a ponta de alta Tensão

Uma ponta de prova para alta tensão é um instrumento perigoso e deve ser usado somente por técnicos e com todos os cuidados necessários. Não trabalhe sozinho quando estiver verificando um circuito com altas tensões. Ajuste o multímetro na escala adequada à tensão que deseja medir. Procure não usar a função Auto-Range.

Como usar uma a ponta de alta Tensão

Conecte os cabos ao multímetro, selecione a escala apropriada, conecte o fio terra a um terra comum ou no chassis do aparelho, após isso você poderá  fazer a medição. Não se esqueça de ligar sempre o fio terra antes de iniciar a medição, caso contrário, uma possível descarga causará danos ao multímetro.

Qualquer medida ou manipulação de alta tensão em circuitos elétricos devem ser feitas tomando todas as precauções possíveis. Se você não tem experiência ou conhecimento para trabalhar com alta tensão, NÃO tente , as conseqüências podem ser fatais.

Como calcular a tensão com a Ponta de Alta Tensão

Como a razão de Atenuação é de 1:100, ou seja usando a ponta em um multímetro e a medição for de 15V por exemplo, na realidade estamos medindo uma tensão real de 1500V já que 15V x 100 (atenuação) = 1500 Volts.  Ou seja, ao ler o valor da tensão no visor do multímetro, multiplique por 100 e pronto.

O autor deste artigo não se responsabiliza por quaisquer consequências decorrentes do uso deste dispositivo. [Fonte]

Nova Eletrônica - Circuitos e projetos Eletrônicos grátis
Nota Importante: Para perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões utilize a página de contato .
[ Clique Aqui! ]