Home » Tecnologia » Psiônica – A eletricidade Humana – Máquina de Hieronymus

Psiônica – A eletricidade Humana – Máquina de Hieronymus

Recebi um e-mail perguntando sobre a Máquina de Hieronymus, então vou tentar explicar aqui alguma coisa que conheço sobre este assunto, se querem algo mais paranormal, nem continuem, procurem no Google.

Sou um estudioso da eletricidade humana, mas sempre procuro basear-me em ciência e não achismo ou crenças. Tenho um amigo que tem um site que ainda está no ínicio que chama Energia Vital que é baseado em ciência sobre os íons, campos magnéticos, energia vital, a energia orgônica e bioeletricidade, . Mas isso irei falar posteriormente, agora vamos falar sobre psiônica.

Psiônica é uma palavra um pouco estranha, é uma palavra de amplo uso, mas basicamente ela significa o estudo das habilidades psíquicas,  mas também é o estudo ou prática do uso da mente para produzir fenômenos paranormais, principalmente relacionados à eletrônica ( ? )  .

Exemplos disso incluem percepção extrassensorial, psicocines, telepatia, telecinese, etc. É um termo muito usado em ficção científica e games, mas pouco usado na vida real,.

O que me chamou a atenção da psiônica foi seu nome, que vem de  psi,  psique, significa alma/mente e as  onics que vem de eletrônica, ou seja, mente eletrônica.

O estudo da Psiônica começou por volta de 1889 por parapsicólogos e nunca foram encontradas evidências científicas de que ela exista.

Psiônica – A eletricidade Humana

Máquina de Hieronymus

máquina de Hieronymus
máquina de Hieronymus – imagem Youtube

Uma das mais notáveis máquinas ligadas a Psiônica foi a máquina de Hieronymus,  inventado em em 1949 pelo engenheiro Thomas Galen Hieronymus.

Neste dispositivo não existe nada a não ser puro charlatanismo, como o que acontece com a maioria dos dispositivos supostamente radiônicos que são usados por radiestesistas.

Sua operação e construção é simples, uma folha com um desenho e uma roleta, coloca-se um objeto ou  um pote especial que é chamado de pote do testemunho ( ? ), em uma espiral do lado esquerdo.

No retângulo do lado direito da folha, onde fica uma espiral quadrada, deve se pressionar o dedo, acariciando, cuidadosamente pois ele avisa o ponto ideal no marcador.

Agora deve-se  girar o marcado, roleta ou prisma triangular, como queiram chamar, até que se perceba alterações táteis no dedo que está a  friccionar a placa na espiral quadrada, seja na pressão, aderência  ou outro tipo de mudança.( ? )

Em tese essa máquina medi o objeto que está sobre a espiral circular, nem vou entrar em detalhes, veja o vídeo abaixo.

Cientistas consideram estes dispositivos um claro exemplo  de charlatanismo.

Psiônica, Ciência e Radiestesia

Muitos cientistas que ousaram caminhar pela psiônica baseados na radiestesia tiveram seus experimentos criticados pela comunidade científica devido a controles fracos, falhas metodológicas, falta de embasamento cientifico e nenhuma replicação independente.

A grande verdade é que a psiônica  nunca conseguiu sair dos livros de ficção científica.

Nova Eletrônica - Circuitos e projetos Eletrônicos grátis
Nota Importante: Para perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões utilize a página de contato .
[ Clique Aqui! ]