Home » Dicas » Técnicas de Emendas de Fios

Técnicas de Emendas de Fios

Emendar fios, apesar de parecer algo simples é um ponto frágil em um projeto eletrônico, principalmente em locais onde as falhas não são permitidas, como nas áreas aeroespaciais, militares e médicas. Emendar um fio exige técnica, geralmente é uma das primeiras coisas que se deve aprender quando se começa a trabalhar com o ferro de solda.

A Nasa (agência aeroespacial americana) tem uma norma técnica com um tutorial de como fazer emendas de fios, esse texto tem informações bem úteis, inclusive informações sobre fios, desencapamento de fios, amarração, anilhamentos, clipador, fiação e muito mais.

Com o título de  CRIMPING, INTERCONNECTING CABLES,  HARNESSES, AND WIRING  o artigo NASA TECHNICAL  STANDARD NASA-STD 8739.4 with Change 6 contêm informações que todo eletrônico tem obrigação de saber.

Técnica de Emenda de Fios – Emenda Western Union

Emenda de fios Western Union
Emenda de fios Western Union – Foto NASA

Talvez a técnica de emenda de fios mais usada e segura, recomendada pela NASA  é a emenda Western Union,  que é o método ideal para emendar fios sólidos em conexões elétricas. É preferível que a emenda seja o ponto mais forte de um fio ou cabo, nunca o ponto fraco, por esse motivo qualquer descuido na confecção de uma emenda pode colocar o projeto em risco, principalmente se o problema for a milhares de quilômetros da Terra.

A emenda Western Union erá tão eficiente que anteriormente era usada sem ter a necessidade de soldar os fios, mas atualmente essa emenda é soldada, isso a torna mais eficiente evitando o mal contato com o passar do tempo, principalmente ocasionado pelo zinabre quando o fio de cobre não é estanhado.

Técnica de Emenda de Fios – Emenda de fios flexíveis

É claro que o método Western Union não é adequado quando temos que fazer a emenda de fios  flexíveis. Mas a emenda que mais vejo que é feita em fios flexíveis são aquelas que se trança, da mesma forma que se trança os cabelos, isso é abominável e não recomendável.

A recomendação para emenda de fios flexíveis é a  adição de um enrolamento de fio rígido fino  para unir os dois condutores e depois a solda. Os fios deve ser emendados e não ser torcidos.

Emenda de fios flexíveis
Emenda de fios flexíveis – Foto: Nasa
Emenda de fios flexíveis
Emenda de fios flexíveis – Foto: Nasa

O fio usado para juntar os condutores tem que ser um fio sólido e deve ser enrolado com no mínimo 6 voltas. A solda deve ser aplicada em ambos os lados dos fios e em todo o comprimento da área onde eles se sobrepõem e todas as voltas do fio usado para amarrar os condutores.

Após a solda, o contorno dos condutores não precisa ser discernível, no entanto, as extremidades dos condutores e o contorno do fio usado para juntar os condutores devem ser perceptíveis.

Técnica de Emenda de Fios

10 Dicas para Emenda de Fios

Agora algumas dicas importantes para uma perfeita emenda de fios.

Os fios devem ser pré-estanhados
Evite saliências, como pontas de fios e solda
O fio não deve sobrepor-se ao isolamento do outro fio
Fios flexíveis de diâmetro fino, que não permitam o uso de um fio de união, podem ser soldados apenas com o contao físico, sem a necessidade de torce-lós.

Abaixo o artigo sobre as normas de emendas de fios da Nasa:

CRIMPING, INTERCONNECTING CABLES,  HARNESSES, AND WIRING 

Nova Eletrônica - Circuitos e projetos Eletrônicos grátis
Nota Importante: Para perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões utilize a página de contato .
[ Clique Aqui! ]