Home » Circuitos » Dado Eletrônico com LEDs

Dado Eletrônico com LEDs

Os jogos eletrônicos podem substituir tranquilamente os jogos mecânicos ou manuais, isso acontece em muitos jogos e um deles é o Jogo de Dado.

É claro que a eletrônica de forma mais sutil pode fazer com que os resultados seja a nosso favor, tornar o dado viciado, mas esse não é nosso caso.

Abaixo um circuito bem interessante de dado eletrônico, este circuito dá de forma aleatória um valor de 1 a 6 como um dado e caso queira pode acrescentar outro módulo para ter um dado duplo. Para jogar o dado eletrônico basta apertar o botão S1.

Dado Eletrônico

Dado Eletrônico com LEDs

 

O coração do circuito do dado é um contador digital, um circuito integrado CMOS 4060, IC1, ele tem uma fase do oscilador integrado, de modo que apenas duas resistências (R7, R8) e um capacitor (C7) são necessários para gerar uma frequência (clock).

A frequência é dividida, e a divisão é designada por ‘CT’ no desenho do símbolo IC. Por exemplo, o sinal na saída CT3 (pino 7) é uma onda quadrada com uma frequência igual à frequência do clock dividida por 23 (8). O sinal de clock é dividido por 24 (16) na saída de CT4, por 25 (32) na saída CT5, e assim por diante. Isto significa que os sinais de saída  formam um número binário.

jogo de dado eletronico

Os resistores de  R1 a R4 limitam a corrente de alimentação dos LEDs para cerca de 2 mA. Isto significa que você tem que usar LEDs de baixa corrente.  Já o resistor R3 tem um valor mais elevado porque apenas um LED é limitado através dele.

Por conveniência, o circuito é dimensionado com base na utilização de uma bateria de 9 Volts. O consumo de corrente do circuito depende do número de LEDs, podendo variar de cerca de 2,5 mA a 6,5 mA.

Os LEDs ainda produzir luz suficiente, mesmo quando a tensão de alimentação é tão baixa quanto 6 Volts , mas este depende fortemente das características dos LEDs de baixa corrente utilizados no circuito.

Quando S1 é pressionado, o oscilador começa a correr e faz com que os estados dos LEDs alternem a uma taxa de 1 kHz, a qual é muito rápido para se seguir a olho nu.

Esta alta freqüência garante que o estado do dado é puramente aleatório quando S1 é liberado, por isso não há regularidade ou padrão nos resultados.

O circuito pode ser montado em um pequeno pedaço de placa de prototipagem perfurado, placa de circuito impresso, barra de terminais ou mesmo em protoboard.

[Fonte] : Elektor Eletrônica 12-2006

Nova Eletrônica - Circuitos e projetos Eletrônicos grátis
Nota Importante: Para perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões utilize a página de contato .
[ Clique Aqui! ]