Home » Curso » Grandesas Elétricas – Volts – Ampere – Ohms e Watts

Grandesas Elétricas – Volts – Ampere – Ohms e Watts

Estou começando a escrever um E-book no qual pretendo ensinar eletrônica básica a quem está iniciando. Vou tentar usar uma linguagem simples para tentar atingir aqueles usuários sem afinidade com a área.  Não vai ser igual a nenhum curso de eletrônica do Senai, não irá se aprofundar, mas sim dar uma noção básica, possibilitando  a qualquer usuário compreender um pouco a eletro-eletrônica, desde seus princípios elétricos até o funcionamento da eletrônica digital.

Tive essa iniciativa por receber diariamente dezenas de perguntas sobre coisas absurdas, feitas por pessoas que tem interesse no assunto mas não tem informação. Na primeira parte abordarei justamente  as grandezas elétricas, acredito que é o pilar da eletrônica, sem essa noção é impossível começar. Aqui neste artigo vou mostrar como estou iniciando, deixe seu feedback, ele  é  muito importante.

As principais grandesas elétricas

Tensão Elétrica – Corrente Elétrica – Resistência Elétrica – Potência Elétrica

lei da eletrônica

Tensão Elétrica

A Tensão Elétrica é a diferença de potencial elétrico entre dois pontos, ou seja, ela é que faz com que a corrente elétrica circule através de um circuito elétrico. Isso quer dizer que a tensão é o movimento das cargas elétricas.

A tensão é expressa na unidade de Volts (V) e kilovolts (kV) que são 1000 Volts, gigavolts (gV) que são 1.000.000 Volts ou 1.000 kV. Ela também pode ser expressa abaixo de 1 Volt, como o milivolts (mV) .1 Volt, ou microvolts (µV) 0,0001 V.

Exemplos
1.2 kV = 1200 V
1 mV = 0,001 V
10 µV = 0,000010 V

Exemplos de onde você encontra a tensão elétrica, nas tomadas de sua casa (110 ou 220 Volts), pilha palito 1,5Volts, bateria de seu carro 12 Volts, etc. O aparelho que mede a tensão é o Voltímetro ou o Multímetro.

Corrente Elétrica

A Corrente Elétrica  é o movimento direcionado de elétrons em um condutor ou circuito elétrico. Ou seja, é o fluxo de cargas elétricas. Quanto mais cargas passarem por um determinado ponto, maior será a intensidade da corrente. Podemos dizer que se a tensão é o movimento das cargas elétricas, a corrente é o efeito causado pelo movimento dessas cargas.

A corrente elétrica é expressa na unidade de Ampere (A), miliampere (mV) .1 A, ou microampere (µV) 0,0001 A.

Exemplos

1000mV = 1 A
1 mA = 0,001 A
10 µA = 0,000010 A

Exemplos de onde você encontra a corrente elétrica, os fusíveis são classificados pela corrente elétrica que suportam, um fusível de 1 Ampere vai se romper se uma corrente superior a 1 Ampere passar por ele. O aparelho que mede a corrente é o Amperímetro, Alicate Amperímetro ou o Multímetro.

Resistência Elétrica

A resistência elétrica é a oposição à corrente elétrica, ela corresponde à relação entre a tensão e a corrente de um ampère sobre um elemento, exemplo, um fio condutor que tenha uma resistência elétrica de 1 ohm, terá uma queda de tensão de 1 volt a cada 1 ampere de corrente que passar por ele.

A resistência elétrica é expressa em Ohm e tem como simbolo a letra grega ômega (Ω). Ohm 1Ω , kiloOhm (kΩ ou KOhms), e megaOhms (MΩ ou MOhms).

Exemplos
1KΩ = 1000 Ω
1MΩ = 1000000 Ω

O aparelho que mede a resistência é o ohmímetro, megâmetro, ponte RLC ou o Multímetro.

Potência Elétrica

A potência elétrica é uma grandeza que mede o tempo com que a energia elétrica é transformada em outra forma de energia, ou seja, ela depende tensão elétrica do circuito e da quantidade de corrente elétrica por segundo, que passam pelo condutor. Em um circuito elétrico a potência (P) é igual à tensão elétrica(V)  multiplicada pela corrente elétrica (A), exemplo:

V x A = P

Um chuveiro de 220 Volts Consome 40 Amperes, qual é a potência elétrica?

220 x 40= 8800

O chuveiro tem uma potencia elétrica de 8800 Watt.

A potência elétrica é expressa em Watts 1W, Kilowatt (kW) que são 1.000 watt, Megawatt (MW) que são 1.000 KW e Gigawatt que são 1.000 MW.

Exemplos
1KW = 1000 W
1MW = 1000000 W

O aparelho que mede a potência elétrica é o Wattimetro ou o Multímetro (se utilizando de cálculos como vimos acima).

Corrente Continua e Corrente Alternada

Corrente contínua e alternada
Corrente contínua e alternada

CC (Corrente Continua) e CA (Corrente Alternada) ou (DC e AC)  é o tipo de movimentação da corrente elétrica apresenta.

Símbolos AC e DC
Símbolos AC e DC

Corrente Contínua – CC – DC

Corrente Contínua é o fluxo ordenado de elétrons sempre numa direção, os circuitos CC (DC) possui um polo negativo e outro positivo, ou seja, ele é polarizado. Exemplos de Corrente Continua são as geradas por baterias, pilhas, dínamos, células solares e fontes de alimentação de aparelhos eletrônicos  como telefones celulares, tablets, câmeras fotográficas, computadores, etc.

Corrente Alternada – CA – AC

Corrente Alternada é o fluxo de elétrons inverte periodicamente de direção com o tempo. A Corrente Alternada não é  polarizada, mas possuí fases e um fio neutro ou terra. Exemplo de Corrente Alternada é a rede elétrica de nossas residências, ela varia a cada 60 Hz, sendo que Hz é igual a 1 segundo, a corrente então varia 60 vezes por segundo. A Corrente Alternada que recebemos em nossas casas tem uma forma de onda  senoidal por ser a forma de transmissão de energia mais eficiente.

Conclusão sobre Grandezas Elétricas

Quando eu aprendi eletrônica, uma coisa que fixou as três grandezas principais foi a analogia da água, se imaginarmos que um fio é um cano, a água são os elétrons (eletricidade) podemos dizer que:

A Tensão Elétrica é à pressão da água
A Corrente Elétrica à taxa de vazão de água
A resistência Elétrica é o diâmetro do cano de água

Espero que tenham gostado, deixe seu comentário, crítica ou elogio, eles serão sempre bem vindos.

Obrigado aos colegas pela correção!

Nova Eletrônica - Circuitos e projetos Eletrônicos grátis
Nota Importante: Para perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões utilize a página de contato .
[ Clique Aqui! ]